Servidores da Câmara fecham acordo com Presidência para reajuste salarial

Os servidores efetivos da Câmara Municipal de Itapetinga realizaram uma reunião, nesta terça-feira (7), com o presidente Valquírio Lima (PSD) sobre o percentual de reajuste salarial da categoria para o ano de 2022.

Com a participação da maioria dos servidores efetivos, a proposta de reajuste pleiteada foi aceita pelo presidente da Casa, com o objetivo de equilibrar diferenças desproporcionais entre os níveis e faixas salariais das várias classes que integram o quadro de funcionários com estabilidade definitiva.

Durante a reunião, o presidente Valquírio reconheceu que é justa a causa dos servidores do Poder Legislativo Municipal e manifestou o interesse de corrigir perdas salariais acumuladas ao longo dos tempos. Se a proposta for aprovada pelos vereadores, esse será o maior reajuste dos servidores efetivos da Câmara nas últimas décadas.

Depois de firmar o acordo com a categoria, o segundo passo será a elaboração de um novo projeto de lei, que deverá ser apresentado nos próximos dias.

O último reajuste de 12,5%, que havia sido aprovado pela Câmara no mês passado, acabou não sendo concedido, porque a tramitação do Projeto de Lei Nº 009/22 foi suspensa por decisão judicial. O projeto também previa reajuste de subsídios e concessão de férias remuneradas aos parlamentares.

A ausência de discussão com a categoria para definição do percentual aprovado surpreendeu a comissão de servidores, que vinha negociando com o presidente um reajuste maior e que atendesse à reivindicação de correção das perdas salariais.